Olá, sou
Wagner Moura


Primogênito da família Moura, sou nascido e criado em Cubatão. Tenho 55 anos, três lindas filhas e uma esposa pra lá de companheira.

Além é claro de minha família, tenho muitíssimo orgulho de minha carreira profissional e política. Aqui mesmo, se deslizar um pouquinho para baixo, vai ter acesso a minha biografia completa e qualquer dúvida, é só falar comigo, como sempre!


Curta minha página, lá eu sempre posto assuntos relevantes a nossa Cubatão.


Também estou no Instagram. Na correria do dia-a-dia, eu sempre atualizo meu perfil.

PLAY VIDEO

Sempre atento, sempre vigilante


Se atentar aos problemas da nossa cidade é algo que qualquer cidadão faz diariamente. Essa atitude não deveria ser comum apenas aos contribuintes, mas sim aos que lideram nossa Cubatão.

Minha experiência no governo de Cubatão tem números que me credenciam como alguém que se preocupa com o bem-estar do cidadão. Atitudes, muito além de discursos vazios.

  • 1983

    1° Grau - Escola Estadual Lincoln Feliciano - Cubatão;
    Estagiário na Sabesp.
  • 1984-1987

    Operador na Usina Henry Borden;
    Líder de distribuição de energia elétrica - COSIPA.
  • 1994

    Formado em Engenharia pela Universidade Santa Cecília;
  • 1995

    Pós-graduado em Direito Imobiliário.
  • 1999

    Formado em Direito pela Unimes.
  • 2000

    Eleito vereador de Cubatão com 784 votos.
  • 2002-2006

    Presidente eleito do PSB.
  • 2006-2011

    Conselheiro do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia - CREA.
  • 2012

    Vereador eleito em Cubatão pelo Partido dos Trabalhadores com 2.280 votos.
  • 2013-2014

    Secretário de Obras de Cubatão, foco em habitação e serviços públicos.
  • 2014

    Prefeito interino de Cubatão, de maio a junho de 2014.
  • 2015

    Presidente da Câmara Municipal de Cubatão, de janeiro de 2013 a janeiro de 2015.

Biografia completa

Primogênito da família Moura, Wagner tem 55 anos, casado, tem três filhas e é nascido e criado em Cubatão.

Sua trajetória profissional teve início como estagiário na Sabesp em 1983, trabalhou na Eletropaulo (usina Henry Borden) de 1984 a 1987 e na extinta Companhia Siderúrgica Paulista - Cosipa de 1987 a 1994. Em seu currículo destacam-se os cursos Eletricista, Técnico em Instrumentação e Eletrotécnica, Técnico em Transações Imobiliárias (corretor de imóveis), Engenheiro Industrial Eletricista, Bacharel em Direito, com especialização em Direito Imobiliário (FMU) e pós-graduação em Engenharia de Segurança do Trabalho.

Criada em 1993, a ABS Empreendimentos Imobiliários está até hoje em operação na Vila Nova, Casqueiro e Centro. Foi presidente ainda da Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Cubatão, presidente das Uniões das Associações de Engenharia do Litoral Paulista, inspetor Chefe do CREA-SP Cubatão e conselheiro do CREA-SP.

Vereador em três legislaturas, presidente da Câmara e Secretário municipal, trabalha há mais de 25 anos pela mudança no jeito de fazer política em Cubatão, onde o coletivo deve sempre mais importante que o individual, como ficou provado durante sua gestão, ainda que interina, como prefeito.  

No âmbito municipal, a política pública voltada ao setor produtivo – indústria e comércio e serviços, se alinha aos objetivos macroestruturais delineados pelo governo federal interino, com forte foco na redução da dívida pública, equilíbrio fiscal e controle inflacionário. Este é o tripé da criação das condições ideais para a retomada do crescimento econômico, seja na União, nos Estados ou nos Municípios.

No caso de Cubatão, que é município industrial, cabe um papel extra, que consiste em fazer gestões junto às esferas estadual e federal para reduzir impactos negativos da chamada guerra fiscal entre estados, bem como impactos negativos causados por alterações na redistribuição do Fundo de Participação dos Municípios.

- Medidas econômicas sustentáveis de estímulo ao consumo no comércio local junto à Associação Comercial e Industrial de Cubatão - ACIC, serão tomadas em pacto social, tais como a recuperação do cadastro de fornecedores, mapeamento conjunto da rede de negócios, dentro da cadeia produtiva e o estímulo à criação do polo subsidiário, com o surgimento de pequenas empresas não poluentes,  produtoras de insumos para a atividade industrial.

É na atividade produtiva que surge o emprego. É no emprego que surge a melhoria dos indicativos sociais. Com gestão pública enxuta e eficiente, Cubatão estará pronta para mediar a retomada do crescimento econômico com trabalho, fomento e justiça social.

Fale comigo

Aguardo seu contato para conversarmos mais a respeito de suas dúvidas.