SAÚDE DA CIDADE NA UTI
11 de julho de 2020
Projeto resgata identidade de pacientes internados no Hospital de Bertioga | Mais Saúde
12 de julho de 2020

MORADIAS POPULARES 

Ao longo dos últimos anos o cenário habitacional de Cubatão foi se modificando, durante o tempo que estive a frente da Secretaria de Obras e Habitação me empenhei para que o Executivo entregasse novas moradias a população. O avanço habitacional se deu principalmente à época do Programa Recuperação Socioambiental da Serra do Mar do Governo do Estado e também de programas habitacionais do Governo Federal.
Enquanto administrava a Secretaria foram entregues 1.840 moradias no Residencial Rubens Lara, no Jardim Casqueiro. O empreendimento foi construído em uma área de aproximadamente 200 mil metros quadrados, desapropriada pelo Estado.
No Bolsão 9 foram mais 1.114 famílias atendidas e 720 no Bolsão 7, que receberam as chaves da casa própria. Minha preocupação era primeiramente oferecer uma moradia segura e de qualidade para os munícipes. Muitos dos contemplados eram de áreas de risco e hoje moram numa residência regularizada.
Outro residencial entregue foi o Imigrantes I e II. Na oportunidade foram 940 apartamentos, distribuídos em edifícios de cinco pavimentos.
Além da entrega dos imóveis estive a frente também da remoção das famílias dos Grotões e Pilões para conjuntos habitacionais da nossa região.
E se hoje, o governo tem concedido a documentação fundiária é, na verdade porque esses processos começaram a ser regularizados enquanto estava na Secretaria de Habitação. Iniciei a regulamentação fundiária da Vila São José e de tantos outros processos que atualmente estão sendo cedido pelo atual governo.
Essa sempre foi a minha meta: “Projetar para Crescer”. As sementes foram lançadas há anos. Cubatão precisa voltar a crescer, precisa se tornar sustentável e precisa de investimentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *